Cadeirinhas e assentos para carro

Uma coisa que todas as mães concordam: é que segurança e bem estar de filho sempre estão em primeiro lugar.

E se tratando de transporte a preocupação é constante, hoje temos a lei para o uso de equipamentos, cadeirinhas e assentos para crianças serem tranasportadas em carros. Quando eles nascem é fácil escolher o modelo, mas conforme vão crescendo a coisa começa a complicar, pois cada criança tem um biotipo, peso e altura, e no quesito caiderinha segurança é fundamental e conforto é importantíssimo, nenhuma criança fica quieta numa cadeirinha pequena e desconfortável.

Desde o início da obrigatoriedade do uso de equipamentos de segurança para o transporte infantil, em 2010, por resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), é obrigatória a utilização do booster, ou assento de elevação, no transporte de crianças de até sete anos e meio de idade em veículos. Os pais já assimilaram a importância do uso do equipamento, mas ainda há dúvidas em relação à correta utilização do item. A Lenox, empresa importadora e fabricante de produtos de puericultura pesada, alerta sobre a utilização do produto e explica os benefícios oferecidos pelo acessório.

De acordo com o gerente de vendas, Reynaldo Silva, o produto deve ser utilizado por crianças com peso entre 18 kg e 36 kg e que tenham até 1,45m de altura. Após essa fase, o transporte infantil continua sendo no banco traseiro do carro, com o uso do cinto de segurança.

No caso do uso do assento de elevação, a altura da criança é fator determinante para a utilização. “O assento de elevação diminui o risco de fatalidades em acidentes, pois mantém o passageiro fixado no assento e permite que a criança seja posicionada na altura ideal para acomodação do cinto de segurança de três pontos. Portanto, se até os sete anos a criança ainda não medir 1,45m, os pais não devem dispensar a utilização do dispositivo”, recomenda Silva.

O gerente comenta que o dispositivo mantém o peito da criança na altura correta para o ajuste do cinto de segurança. “Se a criança ainda não tiver altura suficiente, os pais devem continuar usando a cadeirinha completa. O importante é manter a segurança e o conforto no transporte infantil”, comenta o executivo.

Há diversas opções de assento de elevação à disposição no mercado. Entre as opções mais conhecidas, estão o assento com braço de apoio elevado, o assento rígido, similar ao banco do carro, e ainda o assento elevatório, que permite a regulagem de altura, conforme o tamanho da criança. “O design apropriado à estrutura óssea da criança trará mais conforto na utilização dos assentos”, explica o gerente.

Segue abaixo os modelos de cadeirinhas e assentos:

Modelo bebê conforto, essa é indicada para recém nascido e bebês até 13 KG

Bebe conforto Casulo

Bebê Conforto – Casulo Lenox

Essa é a cadeirinha, indicada para bebês maiores por volta de um ano de idade, indicada para crianças de 9 à 18 kg

Poltrona_kinder_preta_alta

Caideirinha – Kinder – Lenox

A poltrona é a opção indicada para as crianças acima de 2 anos, ela é maior e mais espaçosa que a cadeirinha acima, indica para criança de 9 à 36kg.

Poltrona - Freeway - Lenox

Poltrona – Freeway – Lenox

E esse é o assento, o último equipamento, indicado para as crianças maiores acima de 4 anos, para crianças de 15 à 36 kg.

Booster_cinza_alta

Assento – Booster – Lenox

040_logotipo-facebook_CIA-MATERNA_R00 (4)

Este post é um post patrocinado e contou com o incentivo de 
uma empresa. Todo conteúdo patrocinado publicado no 
Cia Materna tem está indicação e a tag publicidade.

Veja também: