Visitas na Maternidade

cegonha

A chegada de um bebê é um momento de muita alegria e ansiedade para os pais, porém os familiares e amigos também ficam ansiosos para vê-lo e visitá-lo na maternidade.

Quando a minha filha nasceu, recebi muitas visitas na maternidade e fiquei muito feliz com todas elas, porém sempre que o meu médico passava no quarto, me chamava à atenção para algumas regras que deveriam ser respeitadas durante as visitas, pois as enfermeiras comentavam que eu não estava me alimentando nos horários corretos e não estava descansando.

As visitas a um recém-nascido são demonstrações de carinho que deixam os pais felizes, mas é importante tomarmos alguns cuidados:

Evite visitar no dia do parto: Independente do tipo de parto, depois que o bebê nasce a mamãe precisa repousar. Nesse dia visitas apenas dos avós, tios, padrinhos ou se você for muito íntimo. Já escutei algumas mamães dizerem que no dia do parto não gostariam de receber a visita de ninguém.

Seja breve: Não demore mais que 30 minutos na visita. Lembre-se que a mamãe e o bebê recebem muitas visitas, por isso é importante que não sejam demoradas, permitindo que eles descansem.

Se estiver com alguma doença contagiosa: Deixe a visita para outro dia. Espere melhorar e depois faça a visita na casa do bebê.

Cheiros e odores: Evite passar perfume forte e procure e não fumar antes da visita.

Não peça para pegar o bebê no colo: É quase impossível resistir a um bebezinho, mas ficar passando de colo em colo deve ser muito incômodo. Se a nova mamãe lhe oferecer segurar o bebê, aí sim pegue-o.

Fotos: Se quiser tirar foto do bebê pergunte aos pais se pode. Pergunte também se ela pode ser publicada ou não nas redes sociais, e-mail, blog. Alguns pais não gostam da exposição.

Higiene: Assim que chegar ao quarto na maternidade ou na casa do bebê peça para lavar as mãos. Independente de pegar ou não o bebê no colo. É sinal de higiene e educação.

Visitas em casa: Se você optar em visitá-los em casa espere pelo menos um mês depois do nascimento da criança. Dê um tempo para que a mamãe e o bebê estejam adaptados ao novo ritmo de vida.

Deixe a mamãe tranquila para amamentar o bebê: Nos primeiros dias a hora da mamada pode ser um pouco estressante para a mamãe e para o bebê. Se tiver em visita nesse momento e perceber desconforto por parte da mãe, saia do quarto e dê um tempinho para esse momento íntimo entre eles.

Evite ficar fazendo comparativos: Tipos de parto, peso e altura de nascimento do bebê, facilidade na amamentação. Nos primeiros dias a mamãe está muito sensível e poderá ficar chateada com algum comentário desnecessário.